domingo, 8 de fevereiro de 2015

´Já puxei um trio nove horas e meia´, diz Saulo Fernandes para Gabi

O De Frente Com Gabi deste domingo, 08 de fevereiro, recebe o cantor e compositor Saulo Fernandes. O baiano, que sacode o Carnaval de Salvador há mais de uma década, ficou onze anos à frente da "Banda Eva" e agora se prepara para seu segundo ano de folia em carreira solo. Ele fala na entrevista sobre o início da carreira, seu amor pela música, sua vida em família, suas inspirações e os projetos futuros.

Confira as melhores frases da entrevista:

• O trio elétrico te dá o ensinamento da democracia musical.
• Já puxei um trio (elétrico) nove horas e meia. Acho que tem uma energia que vem do público.
• Peguei o recomeço, o zero. Foi bom, mas era assustador. (sobre seu início na Banda Eva)
• Acho que chegou a hora de responder por mim mesmo. (sobre a carreira solo)
• Na Bahia você tende a ficar em uma zona de conforto, repetindo um pouco as fórmulas (musicais).
• O amor é o assunto que mais me interessa e sempre vai ser.
• A axé-music começou com a música pela música. Acho que o modelo se desgastou quando deixou de priorizar a música.
• Minha mulher canta mais para os meus filhos dormirem do que eu.
• A paternidade é o meu viés de evolução, de melhoramento, minha estrada sem fim.
• Consigo ter uma vida serena, suave igual água de poço.
• Vou do palco para casa e de casa para o palco.
• É a pessoa que me botou na mochila e me apresentou para as pessoas. Ela faz isso com todos da Bahia que começam. Incrível, amiga, uma pessoa maravilhosa e generosa (sobre Ivete Sangalo)
• Acho significativo (sobre prêmios), mas nunca me achei o melhor em nada. Nem em casa eu era o filho preferido.
 
DE FRENTE COM GABI
Neste domingo, à meia-noite

Nenhum comentário:

Postar um comentário